EconomiaGoiásManchete

Consumo de carne bovina em Goiás caiu 50% mas preço alto deve se manter para os próximos anos

Segundo pesquisa do Instituto Datafolha, o consumo de carne bovina em Goiás caiu 50% e o alto custo deve ser realidade para próximos anos. A crise econômica, a alta de inflação e a perda de renda causada pelo aumento do desemprego na pandemia, foram fatores que impactaram diretamente a alimentação do brasileiro.

Em Goiás, de acordo o Sindicato das Indústrias de Carnes e Derivados (Sindicarne), o consumo per capita anual de carne bovina, em 2019, era de 38 quilos. Com o início da pandemia, em 2020, foram 26 quilos por habitante ao ano. A expectativa para 2021 é que sejam apenas 20 quilos. Segundo o Sindicato, o poder aquisitivo da população em geral diminuiu e o reflexo foi a redução na compra dos produtos.

O sindicato revela ainda que, a alta da inflação, o aumento no valor dos insumos e da matéria-prima para produção de gados, impactaram o valor da carne, com alta de 35%. Ainda segundo a pesquisa Datafolha, o consumo de carne bovina caiu 67% entre os brasileiros e que ao menos 85% da população reduziu o consumo de algum item alimentício desde o início do ano.

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *