Manchete

Roberto Naves “terceiriza” a gestão de Anápolis para ex-deputado, e provoca indignação

O ex-deputado Marcos Abrão, assumiu a secretaria da fazenda do município no lugar de Geraldo Lino, o que causou espanto nos principais seguimentos organizados da cidade,

Após a polêmica volta ciclística patrocinada pela prefeitura de Anápolis no valor de R$-300 mil ,no último dia 22 de setembro, sem licitação para os organizadores, o prefeito de Anápolis Roberto Naves volta a ser notícia nos principais jornais neste final de semana.

Roberto Naves assinou um  decreto,que passa a gestão da cidade goiana para o seu secretário e ex-deputado federal Marcos Abrão. O ato do prefeito Naves,tem muito haver com seu slogan de campanha , onde se intitulava como “Novo”. Para surpresa de todos que acompanham o executivo anapolino, realmente é uma novidade, já que pelo que se sabe, Anápolis ainda tem vice-prefeito, o que seria natural assumir tal poder na falta do chefe do executivo.

OS Principais jornais de Goiânia repercutiram com indignação o ato de Naves, e em um deles a Jornalista Suely Arantes, que assina a coluna Fio Direto no Diário da Manhã, informa que o prefeito de Anápolis, Roberto Naves, “terceirizou” a gestão da cidade para o ex-deputado federal Marcos Abrão (Cidadania), que não se reelegeu no pleito de 2018.

No último mês de agosto o ex-deputado Marcos Abrão, assumiu a secretaria da fazenda do município no lugar de Geraldo Lino, o que causou espanto nos principais seguimentos organizados da cidade, já que os empresários esperavam pela indicação de algum gestor que fosse da cidade de Anápolis, o que não aconteceu.

Veja o decreto:

Da Redação

 

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *