Cidades

Motorista de aplicativo é condenado pela justiça por assaltar passageiro

Kaaleb Rodrigues anunciou o assalto durante a corrida e exigiu que o passageiro entregasse celular, dinheiro e pertences pessoais; Acusado nega o crime

Um motorista de aplicativo foi condenado, na última semana, a 16 anos e 6 meses de reclusão por ter assaltado um passageiro durante uma corrida, em Goiânia. Kaaleb Rodrigues de Sousa, de 38 anos, deve cumprir a pena, inicialmente, em regime fechado na Penitenciária Odenir Guimarães, em Aparecida de Goiânia. A sentença é do juiz Alessandro Pereira Pacheco, da 4ª Vara Criminal dos Crimes Punidos com Reclusão.

Segundo o Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), o crime foi na madrugada de 21 de outubro de 2018, por volta de 1h50. A vítima, que era um rapaz, estava em uma festa com uma amiga, no Setor Negão de Lima, quando solicitou uma corrida no aplicativo Uber. A corrida foi aceita por Kaaleb, que estava devidamente cadastrado na empresa.

A moça pediu a viagem pelo celular dela e cadastrou duas paradas: uma no Jardim Guanabara e outra na Vila Maria. Depois de deixar a passageira, o motorista anunciou o assalto e exigiu que o passageiro entregasse seu cartão de crédito, celular, carregador e o dinheiro que ele tinha: cerca de R$ 40.

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *