CidadesPolícia

Ex-prefeito de Firminópolis é preso suspeito de desviar verba da saúde para Covid-19

Operação Colarinho cumpriu, até agora, seis mandados de prisão temporária e 11 mandados de busca e apreensão em Goiás, Tocantins e Minas Gerais

O ex-prefeito do município goiano de Firminópolis,Jorge José de Souza, conhecido como Jorge do Escritório (PP), foi preso na tarde desta terça-feira (26) suspeito de integrar um esquema que, só no mês de dezembro, desviou mais de R$ 300 mil da verba pública destinada ao combate da covid-19. Com a prisão de Jorge, a Operação Colarinho cumpriu, até agora, seis mandados de prisão temporária e 11 mandados de busca e apreensão em Goiás, Tocantins e Minas Gerais.

Tiago Junqueira, delegado responsável pela operação, relatou que o ex-prefeito, juntamente com os outros envolvidos, comprava notas fiscais em nome da Secretaria Municipal de Saúde para simular a aquisição de itens de prevenção ao coronavírus, como álcool em gel e testes rápido de covid.

No entanto, os materiais não eram adquiridos uma vez que o dinheiro era todo desviado para os suspeitos. “Só no mês de dezembro foram desviados mais de 300 mil reais, nessa falcatrua aí”, informa Junqueira.

Com Agência de Notícias/Tom Paulo

Related Articles

Pular para a barra de ferramentas