Esporte

Atlético é o primeiro time goiano a voltar aos treinamentos

O Atlético Goianiense voltou de maneira oficial às atividades presenciais no CT do Dragão na manhã desta segunda-feira (1). O clube já havia retomado os trabalhos na última semana sem o conhecimento das autoridades, mas na última quinta-feira (28) conseguiu juntamente com a Prefeitura de Goiânia uma liberação para os treinamentos aqui na capital.

A equipe de 24 jogadores foi dividida em quatro grupos de seis, sendo que cada grupo contará ainda com um profissional da comissão técnica e um do departamento médico. Os treinos acontecem inicialmente apenas no período da manhã com 12 atletas divididos em campos separados de 8h00 às 9h30 e a outra metade de 10h00 às 11h30. Todos os jogadores que estão frequentando o clube foram submetidos aos exames e nenhum testou negativo. Ao todo, 38 testes foram feitos incluindo também integrantes da comissão técnica e o presidente executivo Adson Batista.

Entretanto, não está nos planos do clube repetir o testes de forma periódica. Em entrevista à rádio Sagres 730 o chefe do departamento médico rubro-negro, Gleyder Sousa, revelou que a partir de agora o monitoramento será feito através do inquérito epidemiológico. “A nossa ferramenta principal foram os testes que a gente fez de sorologia. A partir disso, a ferramenta de uso contínua será o que chamamos de inquérito epidemiológico, que é um questionário onde veremos principalmente os sintomas gripais e os que estão mais ligados a doença do coronavírus. Ele será nossa ferramenta principal”, explicou.

Neste grupo de 24 jogadores que se apresentaram primeiro, não estão inclusos alguns atletas oriundos das categorias de base que treinavam com o time profissional, como por exemplo o goleiro Gabriel, o lateral-direito Luan, o zagueiro Michel e o atacante Riquelme. As novidades no elenco são a saída do volante Caio Vinícius, devolvido ao Fluminense e o retorno do goleiro Gustavo que estava emprestado ao Grêmio Novorizontino.

Fonte: Sagres Online.

Related Articles