CoronavírusGoiásManchete

Aparecida de Goiânia confirma primeiros casos da variante ômicron em Goiás

Os dois primeiros casos da variante ômicron no estado foram identificados em Aparecida de Goiânia, conforme anúncio do prefeito da cidade, Gustavo Mendanha, neste domingo (12). Em suas redes sociais, o gestor informou que as infectadas são duas mulheres, de 20 e 46 anos. Elas apresentam sintomas leves.

As duas tiveram contato com um casal de missonários vindos de Luanda, na Angola. Segundo Mendanha, o casal desembarcou em Guarulhos (SP), no dia 3 de dezembro. Eles fizeram teste RT-PCR para Covid e deu negativo. Em seguida, os missionários estiveram em algumas cidades do Brasil, entre elas Aparecida de Goiânia, onde ficaram do dia 3 a 5 de dezembro. Nesse período, tiveram contato com as duas mulheres que foram diagnosticadas com o vírus no dia 9 dezembro.

O prefeito de Aparecida ressalta que a identificação dos casos só foi possível com o programa de sequenciamento genético, desenvolvido no município desde abril. “Acho que é importante dizer que só foi possível a comprovação dos casos por conta dos investimentos realizados pela nossa prefeitura, para uma resposta mais efetiva no combate a covid”, declarou.

O líder do executivo aparecidente fez, ainda, um apelo para que a população se vacine e disse que não há necessidade de pânico.

Confira o anúncio do prefeito:

 

Related Articles