Manchete

Contra a lei,Caiado e Eternit anunciam volta do amianto

Empresa retomará manuseio do minério, proibido em mais de 70 países por provocar câncer e asbestose fatal. Mineração está vetada desde 2017 pelo STF.

Mesmo após o Supremo Tribunal Federal (STF) vetar qualquer tipo manuseio da fibra de amianto no Brasil, a empresa Eternit, controladora da mineradora SAMA, anunciou esta semana ao mercado que vai retomar o processamento do minério em Goiás.

Utilizado na produção de telhas e caixas d’água, o amianto é uma variedade fibrosa de sais minerais cuja comercialização é proibida em mais de 70 países por recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS). A inalação do pó de amianto causa inúmeros problemas à saúde, incluindo câncer.

O anúncio da companhia se baseia na lei estadual de julho de 2019, proclamada pelo governador Ronaldo Caiado (DEM), que permite a produção para exportação do amianto, e afirma que pretende processar 24 mil toneladas da fibra que estavam em estoque antes do bloqueio federal.

Veja a nota abaixo:

 

Com Outrasmídias

 

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *