Manchete

Servidores da prefeitura de Anápolis com excesso de atestados serão monitorados

Por determinação do prefeito de Anápolis, Roberto Naves,os secretários de todas as áreas farão levantamentos sobre os casos sistemáticos de atestados médicos, responsáveis pelo afastamento de servidores ao trabalho.Nos meses de novembro e dezembro de 2.018 foram constatados 1.600 registros de atestados médicos apenas na secretaria de Saúde, fator que chamou a atenção.

A partir do primeiro levantamento realizado veio a comprovação preocupante: os funcionários da administração municipal, no ano passado, entraram 8.458 atestados alegando problemas de saúde para não trabalhar. Um único funcionário da prefeitura de Anápolis apresentou 37 atestados médicos para justificar suas ausências.

A determinação do prefeito Roberto Naves é para que seja feito um monitoramento para se comprovar possíveis irregularidades nesses atos, e, na hipótese de má-fé, o transgressor poderá ser punido inclusive com a exoneração que, para esses casos de fraude, têm sustentação legal.

Edição:Marcus Vinicius Isaac

Por; Jairo Mendes

 

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *